sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Mulheres extraordinárias na História - arte por Rocío Salazar

Ada Lovelace - Condessa de Lovelace, escritora e matemática do século XIX. Lord Byron é considerado um dos maiores poetas da língua inglesa e Ada Lovelace é a sua única filha legítima. A mãe de Ada, Annabella, era grande estudiosa da matemática. Ela fez com que sua filha se dedicasse à ciência desde muito jovem. Ada foi a primeira pessoa a conceber um algoritmo capaz de ser processado por uma máquina, sendo hoje considerada a mãe de programação. Em 1979, o departamento de defesa dos Estados Unidos nomeou um código de linguagem como “Ada”, em sua honra. Em 2009, foi criado o AdaLovelace Day, comemorado todo dia 15 de outubro, para incentivar mulheres na ciência.
Annette Marie Sarah Kellerman (1886 - 1975) foi uma nadadora, atriz de cinema, escritora e defensora da natação profissional australiana. Annette Kellerman foi a primeira mulher a tentar atravessar a nado o canal da Mancha. Ficou famosa por defender os direitos de as mulheres usarem maiôs de uma peça, o que era um escândalo na época. A popularidade de seus maiôs de uma peça resultou na sua própria linha de roupa de banho para mulheres. Os maiôs "Annette Kellermans", como eram conhecidos, foram o primeiro passo para as roupas de banho femininas modernas.
Hedwig Eva Maria Kiesler, conhecida como Hedy Lamarr (1914 - 2000) foi uma atriz e inventora austríaca de família judia. Foi co-inventora da primeira versão do espectro de dispersão que teria como resultado a tecnologia Wi-Fi e bluetooth.  A sua mais significativa contribuição tecnológica deu-se durante a Segunda Guerra Mundial, tendo sido a sua co-invenção, juntamente com o compositor George Antheil, de um sistema de comunicações para as Forças Armadas dos Estados Unidos que serviu de base para a atual telefonia celular.
Dorothy Hodgkin (1910 - 1994) foi uma bioquímica britânica que desenvolveu a cristalografia de raios X e também determinou a estrutura da vitamina B12 tendo recebido, por esse estudo, o prémio Nobel de Química em 1964. Entre suas mais importantes descobertas está a estrutura da penicilina. Estudou por 35 anos a estrutura da insulina, pois a mesma tinha moléculas grandes e extremamente complexas. Em 1969 a estrutura foi resolvida. Então Dorothy passou a viajar pelo o mundo dando palestras sobre a insulina e a sua importância na diabetes.
Harriet Tubman, nascida Araminta Ross (1820 - 1913) era uma lutadora pela liberdade dos escravos afro-americanos nos Estados Unidos. Depois de escapar da escravidão, ela fez treze missões de resgate na qual libertou cerca de setenta esclavos usando a rede anti-escravidão conhecida como a estrada de ferro subterrânea. Mais tarde, ela ajudou John Brown depois de tomar o arsenal de Harpers Ferry, e depois da guerra travada para alcançar o sufrágio para as mulheres.
Henrietta Swan Leavitt (1868 - 1921) filha de um pastor evangélico (George Roswell Leavitt) foi uma astrônoma estado-unidense famosa por seu trabalho sobre estrelas variáveis. Seus resultados foram utilizados por Edwin Hubble para calcular as distâncias das galáxias(à época chamadas de "nebulosas"). O conhecimento das distâncias destes objetos permitiu ainda que Hubble concluísse que o Universo está em expansão, o que demonstra a importância dos trabalhos de Henrietta Leavitt. O próprio Hubble dizia, frequentemente, que Henrietta Leavitt merecia ganhar o prêmio Nobel por seu trabalho sobre as estrelas variáveis. Gösta Mittag-Leffler, da Academia Sueca de Ciências, tentou indicá-la para o prêmio Nobel em 1924, quando descobriu que ela havia morrido de câncer três anos antes (o prêmio Nobel não é dado postumamente).


Hipátia de Alexandria - Astrônoma e filósofa do século IV, primeira mulher matemática da que existem fontes confiáveis. Liderou a escola neo-Alexandrina, inventou o densímetro e melhorou o projeto do astrolábio. Foi morta por um motim de extremistas religiosos. A filósofa, mulher guerreira, pioneira na arte de desbravar os árduos caminhos da Matemática, cultivava não somente um cérebro privilegiado, mas também o corpo saudável. Visava, assim, implantar em sua própria existência esta antiga aspiração helênica.
Hipátia se tornou a maior pesquisadora da Alexandria nos campos da matemática e da filosofia, legando ao futuro grandes descobertas nestas disciplinas, bem como na física e na astronomia. Ela se devotou igualmente à prática da poética e ao exercício das artes, sobressaindo-se na Retórica.

Pauline Viardot-García (1821 -1910) foi uma mezzo-soprano e compositora franco-espanhola. Seus encontros musicais estimularam a criação artística de sua época e reuniu talentos como Chopin e Listz, esse declarou que o mundo havia encontrado 'uma compositora gênio'. Pauline tornou-se uma renomada professora e compositora, escrevendo dois livros de canções, cenários de poesia russa e versos de Turgenev.
Rawya Ateya (1926 -1997) foi um egípcia que se tornou a primeira mulher parlamentar no mundo árabe em 1957. Em 1956, Ateya tornou-se a primeira mulher a ser encomendada como oficial do Exército de Libertação. Ela desempenhou um papel ativo na Guerra de Suez , durante o qual o Egito foi invadido pelo Reino Unido , França e Israel . Ela ajudou a treinar 4.000 mulheres em primeiros socorros e de enfermagem em meio à guerra. Durante seu tempo no Parlamento, Ateya defendeu os direitos das mulheres . Ela insistiu sobre a aplicação do tratamento preferencial para as trabalhadoras, nomeadamente, uma de 2 meses de licença de maternidade , com salário integral. Em julho de 1958, ela apresentou uma lei abolindo a poligamia.
Wisława Szymborska (1923 — 2012) foi uma escritora polaca galardoada com o Prêmio Nobel na área de literatura (1996). Poetisa, crítica literária e tradutora, a sua extensa obra, traduzida em 36 línguas, foi caracterizada pela Academia de Estocolmo como «uma poesia que, com precisão irônica, permite que o contexto histórico e biológico se manifeste em fragmentos da realidade humana», tendo sido a poetisa definida, como «o Mozart da poesia».

Fonte das imagens :http://rociosalgar.blogspot.com.br/
Fonte das informações: Wikipédia e outros sites.


Nenhum comentário:

Postar um comentário